Você já sentiu como se sua vida estivesse travada e você não soubesse mais o que fazer da vida?

É um momento paralisante de reflexão, onde você não sabe o que fazer a seguir, nem se as escolhas que já fez foram corretas.

Se isso acontece com você, é bom que saiba que isso de não saber o que fazer da vida, se aplica a todos nós, em qualquer idade e em diferentes estágios de desenvolvimento emocional e espiritual.

Se estamos indo para a universidade, se graduando, escolhendo nossa carreira, recuperando de um coração partido, ou se aposentando, todos nós temos um momento em nossas vidas, onde não sabemos o que fazer a seguir.

Pela minha experiência, quando nos encontramos nessa situação, podemos sair dela de maneira prática, confira:

Etapas simples para descobrir o que fazer da vida.

Prepare-se para o próximo passo e limpe sua mente

Num tempo não muito distante em minha vida, tudo o que estava ao meu alcance era pensar no que eu precisava fazer para chegar ao dia seguinte.

Eu não pensava sobre o que eu queria fazer no futuro, nem pensava em como eu queria que minha vida fosse.

Era apenas uma questão de sobreviver de um dia para o outro.

Se você estiver vivendo essa situação, não entre em pânico, basta concentrar-se no que você precisa fazer para passar para o próximo dia.

Me exercitar foi a solução para me ajudar a passar o meu dia.

Todas as manhãs, meu alarme despertava às 6 da manhã.

Eu vestia minha roupa de corrida, saía pela porta e corria por 45 minutos.

Durante muito tempo, foi difícil sair da cama e ir para a minha corrida porque eu só queria me esconder e dormir mais um pouco.

Depois de alguns meses, comecei a perceber que quando eu começasse minha corrida me sentiria horrível, mas quando eu chegava ao fim da minha rua, eu começava a me sentir melhor e a sensação ruim desaparecia.

Depois de algum tempo, comecei a esperar ansiosamente por minha minha corrida matinal, comecei me sentis mais energizado e estava dormindo melhor.

Exercite sua mente consciente

Se você não sabe o que fazer da vida, vai concordar comigo que a vida não é previsível e as respostas que procuramos para as nossas perguntas, nem sempre chegam até nós.

Não há uma receita a seguir e temos que trabalhar duro para definir nosso caminho.

Despertar nossa mente consciente para aceitar nossa realidade, abraçar a mudança e a imprevisibilidade da vida, é o primeiro passo para descobrir o que precisamos fazer da nossa vida.

Eu tinha que lidar com as crenças limitantes que faziam parte da minha mente consciente. Eu não podia ver um futuro para mim e eu não sabia quem eu era ou o que eu queria.

Esta foi a parte mais difícil para mim, descobrir o que eu queria, o que eu gostava de fazer e como acreditar em mim.

Porque eu não sabia o que queria, não consegui tomar uma decisão sobre a direção em que eu queria que minha vida fosse, então por um longo tempo não fiz nada e simplesmente me afundei.

Alice perguntou: Gato Cheshire… pode me dizer qual o caminho que eu devo tomar?
Isso depende muito do lugar para onde você quer ir – disse o Gato.
Eu não sei para onde ir! – disse Alice.
Se você não sabe para onde, ir qualquer caminho serve.

(Alice no País das Maravilhas)

Um dia a ficha caiu e fiquei muito insatisfeito com a direção que minha vida estava tomando. Eu sabia que tinha que agir rápido, porque eu tinha pouca fé em mim mesmo, minha confiança era baixa e minha visão para o meu futuro era sombria.

Fiquei confuso, estava com baixa autoestima e não tinha esperança.

Minha mente consciente estava querendo soluções que eram práticas e seguras, mas meu coração queria seguir meus sonhos.

É difícil seguir seu coração, superar suas crenças limitantes e encontrar seu poder.

Mas é possível conseguir e tudo se resume a tomar atitudes para mudar. Pequenos passos, um de cada vez criam o impulso para a mudança.

Dê um passo de cada vez

O clichê já diz que toda jornada começa com o primeiro passo.

Procure eleger três problemas que você tenha que resolver para que orgulhosamente possa dizer que sabe o que fazer da vida.

Comece com algo simples, que possa fazer a curto prazo, por exemplo,  perder 2 kg, começar a fazer exercícios e ler um bom livro.

Alcançar os seus mini objetivos te dará impulso para começar a sua jornada para descobrir o que fazer da vida.

Isso te dará confiança e autoestima para continuar.

Mire-se em exemplos de vida

Eu gosto de aprender com as histórias de vida de outras pessoas, gosto de saber como viveram suas vidas, quais eram suas filosofias de vida e como superaram seus desafios.

Eu acho que suas histórias me inspiram e me motivam, especialmente quando não tenho certeza sobre o que fazer da vida.

Conhecer essas histórias me ajudaram a construir minha base de conhecimento, para que eu pudesse resolver a confusão na minha mente e no meu coração.

Dedique-se ao autoconhecimento

Descubra quem você é, quais são suas paixões e o que você quer fazer com sua vida.

Para avançar, você precisa abandonar o seu passado e abraçar a mudança.

Com a mudança vem a reinvenção e se você não sabe quem você é e o que deseja, torna-se muito mais difícil avançar em sua vida.

Ter uma visão de vida, conhecer o seu propósito e como quer viver a sua vida são os alicerces para criar crença em si mesmo, sua confiança, resiliência, coragem e responsabilidade.

Haverá momentos em sua vida onde você pode não saber o que fazer a seguir, ou você tomará uma decisão errada, mas com um propósito e uma visão, quando essas situações ocorrerem, você não ficará paralisado pelo medo de não saber o que fazer, você vai aproveitar isso como uma oportunidade de experimentar a vida.

Se não funcionar, tudo bem, porque você terá poderes para fazer outra escolha.

Eu quero saber a sua opinião sobre esse artigo. Deixe seu comentário e troque experiencias comigo.

 

[Designed by Freepik]


Sidnei Bonfim
Sidnei Bonfim

Escritor, estudioso da espiritualidade, médium e palestrante. Utiliza este site para divulgação das suas ideias, auxiliando pessoas que desejam fortalecer sua conexão universal e progredir no seu desenvolvimento espiritual.